Área do Cliente

Usuário Senha
Notícia

 

Malha fina retém 2,6 mil declarações

Receita Federal liberou nesta segunda feira (16/12) a consulta ao 7º e último lote de restituição do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF ). Nesse lote, serão pagos R$ 2,667 bilhões a 2,2 milhões de contribuintes em duas datas: no próprio dia 16 e em 20 de dezembro.

Na circunscrição da Delegacia da Receita Federal de Passo Fundo, integrada por 108 municípios, 2.654 declarações ficaram retidas na malha fina, 1,89% do total de 140.105 declarações apresentadas e 8,95% a mais que o número registrado no ano passado (2.436).

A omissão de rendimentos é o principal motivo de incidência na malha, com 1.509 declarações retidas, o que representa 56,86% do total. Destas 142 declarações apresentam omissão de rendimentos de aluguéis. Outros motivos que se destacam são:

· Despesas médicas - 567 declarações – 21,36%;

· Divergências nas informações de Previdência Privada e Oficial - 175 declarações – 6,59%.

O contribuinte pode consultar informações atualizadas sobre a situação da Declaração por meio do serviço Extrato do Processamento da DIRPF, disponível na página da Receita, na internet, pelo link http://www.receita.fazenda.gov.br/PessoaFisica/IRPF/2013 no chamado e-CAC (Centro Virtual de Atendimento). Para acessar é necessário utilizar o código de acesso gerado na própria página da Receita Federal, ou certificado digital emitido por autoridade habilitada.

A Receita disponibiliza ainda aplicativo para tablets e smartphones que usam os sistemas operacionais Android e iOS, que facilitam a consulta. A consulta também poderá ser feita por telefone, para o número 146.

Ao acessar o extrato, é importante prestar atenção na seção "Pendências". É nessa seção que o contribuinte pode identificar se a declaração está retida em malha fiscal, ou se há alguma outra pendência que possa ser regularizada por ele mesmo.

Se a declaração estiver retida em malha fiscal, nessa seção, o contribuinte encontra um link para verificar com detalhes o motivo da retenção e consultar orientações de procedimentos.

Constatando erro na declaração apresentada, o contribuinte pode regularizar sua situação apresentando declaração retificadora.

Inexistindo erro na declaração apresentada e estando de posse de todos os documentos comprobatórios, o contribuinte pode optar entre aguardar intimação ou agendar pela internet uma data e local para apresentar os documentos e antecipar a análise de sua declaração pela Receita Federal.

O agendamento para declarações do exercício 2013 começa a partir do primeiro dia útil de janeiro de 2014.


Passo Fundo, 16 dezembro de 2013.


Luciane Scortegagna Pedra
Delegada Substituta

Agenda de Impostos

Vencimentos Dezembro/2018

Dia Imposto
20 IRRF - IOF
24 PIS PASEP COFINS
28 IRPF- CSLL
31 DME - DOI
Havendo vencimentos com data no final de semana ou feriados, o FGTS e GPS/INSS antecipar os pagamentos e os demais impostos consultar nossos departamentos responsáveis.
Newsletter

Rua Uruguai, 1402 | Centro | Loja 3
Passo Fundo RS | 99010-112